Rafael Weiss

me-again

Rafael Weiss

Jornalista nascido em Rio do Sul-SC e morador de Balneário Camboriú desde 1997, formado em Jornalismo desde 2002 onde atuou em jornais impressos, rádios, sites e atualmente é assessor de imprensa. Desde 2000 milita no jornalismo musical de forma independente e já trabalhou com música na Rádio Univali FM, apresentando e produzindo o Programa Pirão Catarina (entrevistas com bandas catarinenses), escreveu colunas musicais para sites como Zinabre.com, Guia Itajaí, reportagens especiais para o Senhor F de Brasília, The Beatles.com.br da Bahia. Ainda na área de colunas sobre rock, fez colunas para os jornais Jornal da Jackie, Mundo Pop, Jornal Metas, Tribuna Catarinense, onde manteve durante três anos a coluna Rockline. Em 2001 filmou o documentário “Tschumistock – A Casa do Rock “, ainda inédito no mundo da internet e que em breve estará no YouTube. Desde 2002 participa da cobertura de festivais de música como o Curitiba Rock Festival, Tim Festival, Tschumistock (desde 1998), Claro que é Rock e outros festivais que andam acontecendo por ai. Em 2006, depois de terminar a coluna Rockline no jornal impresso, transferiu a coluna para um programa semanal de rádio na TWR – Rádio Web de Balneário Camboriú. Desde julho de 2007 mantém todos os dias o Mundo47. Como todo jornalista musical, é um músico frustrado, mas teve uma boa experiência tocando entre 2005 e 2006 na banda The Colors, de Balneário Camboriú. Depois formou Betão e Os Perna Mecânica, banda que participou em 2008 de um blog-tributo ao Tremendão, Erasmo Carlos. Em 2008 o teimou ainda mais em querer ser músico, e montou a banda Lumiere, inspirada no folk pop do fim dos anos 1960. Atualmente Rafael mora em Florianópolis, onde atua como empresário do ramo da publicidade, marketing e eventos.